O que é Shaumbra

É um grupo de humanos atravessando seu processo de despertar. 
Despertar da consciência e também da divindade interior.
O termo se originou na época de Jesus e descrevia algumas pessoas que se reuniam (muitos deles, essênios) para encontros secretos da sua busca espiritual.
Numa tradução livre do hebraico antigo, a primeira parte da palavra vem de shau-lar que quer dizer o lar ou a família. A segunda parte vem de ba-rah que significa jornada ou missão. Então, juntando as duas partes temos Shau-lar ba-rah ou mais modernamente Shaumbra  significando "a família que se encontra na jornada, experienciando juntos".

Ser Shaumbra

- Acima de tudo, saber, não sabe como (isso é um mistéeeerio), que existe uma Fonte que nos criou – o/a Tudo Que É.

Sentir, após ter despertado para o Conhecimento, essa fonte ou Divindade ao fazer uma respiração consciente.

- Viver numa Montanha Russa, pois num dia está se sentindo o máximo, evoluído, divino mesmo e no dia seguinte sentir que falhou , que está longe de sua ascensão (ao mesmo tempo sabendo que ela já ocorreu), que está atolado nos mesmos velhos hábitos e mesmas velhas crenças limitantes.

- Ter um amor enoooorme pelo planeta e pela humanidade, mesmo que haja momentos em que tem vontade de bater em certos espécimes da mesma.

- Vigiar diariamente, minuto a minuto, seus pensamentos para que não caia na tão familiar dualidade.

- Questionar cada nova informação ou mensagem que vem dos mestres. Questioná-las e discuti-las em voz alta, como se o mestre ali estivesse, sentindo-se idiota por estar falando com as paredes, mas ao mesmo tempo “sabendo” que eles estão ouvindo.

- Sentir-se louco por fazer essas papagaiadas, mas ao mesmo tempo dando boas gargalhadas (os vizinhos devem ficar pensando: mas do quê essa criatura ri tanto?).

- Saber, com muita certeza, que tudo está sempre certo, justo e dentro da divina ordem.

- Não ter disciplina nenhuma e ao mesmo tempo se xingar por não tê-la, para logo em seguida dar-se conta: ah, não importa!

- Acordar sempre ou quase sempre de bom humor e estar sempre alegre. Rir muito.

- Ter consciência das pequenas, pueris belezas da vida e do cotidiano.

- Ter certeza que neste justo momento há milhares de outros Shaumbra prontos para ajudar se forem convocados. Somos família.

- Sentir-se livre porque sabe não haver cobrança nenhuma sobre si. Que não existe pecado e erro, pois tudo faz parte da fantástica Experiência-Terra.

- Já ter se livrado do carma. Xô, coisa ruim!  rsrsrs

- Ter consciência de que vivemos numa Matrix e não aceitar isso passivamente.

- Exercitar diariamente a compaixão e isso é dureza, pois ainda vivemos na dualidade, e ao pegar-se em falta perdoar-se imediatamente pela ponta de culpa que sentiu.

- Praticar “quase” hi, hi, hi que diariamente sentir os potenciais de seu futuro. É bucha! É bucha! Aff

Enfim, esta é a minha visão, mas acho que não deve ser muito diferente da de outros Shaumbra.

Resumindo: viver numa Montanha Russa!

Matéria de minha amiga Atena,  http://expandiraconsciencia.blogspot.com/p/o-que-e-shaumbra.html

Postagens mais visitadas deste blog

O Livro dos Danados

Mistérios dos Sumérios

A Civilização mais antiga do planeta !!!!!!!!